Betel Fm
 
      Fotos   Vídeo   Audio  
 
 
Vídeos
Audios
Fotos
Evento
Nossa História
Ciência & Tecnologia
Social
Economia
Bahia
Feira de Santana
Palavra do Pastor
Igrejas
Missões
Programação Rádio
Mensagem da Semana
Para Meditação
Culinária
Agenda das Igrejas
Dia-Dia
Notícias
Meio Ambiente
Brasil
Empregos
Concursos
Educação
Saúde
Música
Cultura
Entrevistas
Entretenimento
Adicione o Face Book Betel Fm
Bíblia Online
CIEE-ESTÁGIO
DETRAN-BA
Empregos
IMA-Meio Ambiente
Prefeitura FSA
 
Música Voltar  .  Home
Imprimir esta página Enviar por e-mail
5/8/2013  10:38:33
Antes de morrer vítima de câncer, jovem cristão compõe música com testemunho de fé e se torna sucesso
Em março de 2012, aos 17 anos, Zach Sobiech ouviu dos médicos que não teria mais do que um ano de vida, devido ao agressivo câncer nos ossos chamado osteosarcoma. Diante da notícia, Zach decidiu que gravaria músicas contando sua história.

Fonte: gospelmais

 Um jovem cristão diagnosticado com câncer aos 14 anos e desde então, lutando contra a doença, tornou-se um ícone contemporâneo da música popular ao gravar uma canção sobre sua jornada.

Em março de 2012, aos 17 anos, Zach Sobiech ouviu dos médicos que não teria mais do que um ano de vida, devido ao agressivo câncer nos ossos chamado osteosarcoma. Diante da notícia, Zach decidiu que gravaria músicas contando sua história.

A canção “Clouds” (Nuvens, em inglês) tornou-se a número um em downloads na iTunes Music Store, e o clipe dela alcançou 7,8 milhões de visualizações no YouTube. Definida como um “testemunho de sua fé inabalável em Deus”, por sua família, a música faz parte do álbum “Fix Me Up” (que pode ser traduzida em algo como “Conserte-me”), que traz outras canções com o mesmo teor de “Clouds”.

Apesar de ter se submetido a dez cirurgias e vinte sessões de quimioterapia, Zach faleceu no dia 20 de maio de 2013, pouco mais de um ano depois de ser desenganado pelos médicos. O jovem não viu sua música alcançar o estrondoso sucesso, comparável a artistas pop como Justin Bieber e Lady Gaga, por exemplo.

A história de Zach percorreu o mundo e artistas como Jason Mraz, The Lumineers e Philip Philips, vencedor da versão norte-americana do programa Ídolos, regravaram a música “Clouds” como forma de repercutir a mensagem que o jovem quis transmitir.

“A nossa fé não nos impede de sentir desespero, mas  ele manteve os olhos voltados para o que é verdadeiramente importante: a eternidade”, disse Laura Sobiech, a mãe do jovem, após seu funeral, na igreja onde ele havia cultuado desde a infância.

Um documentário chamado “Meus Últimos Dias” será lançado pelos produtores da música, e mostrará os últimos momentos da vida do jovem. “Meu nome é Zach Sobiech. Eu tenho 17 anos. Disseram-me que eu tenho um par de meses. Mas ainda tenho muito trabalho a fazer. Eu quero que todos saibam: você não precisa descobrir como eu vou morrer. Basta começar a viver”, declarou o jovem, em depoimento ao filme.

Sua família tem juntado esforços para levantar fundos para pesquisas contra o osteosarcoma, e já levantaram mais de US$ 100 mil, de acordo com informações do Noticia Cristiana.

 

Tradução da música

Bem, eu caí, caí, caí
Neste buraco escuro e solitário
Não havia ninguém lá para se preocupar mais comigo
E eu precisava de uma maneira de subir até a borda
Você estava sentado lá, segurando uma corda

E nós vamos subir, subir, subir
Mas eu vou voar um pouco mais alto
Vamos para cima nas nuvens porque a vista é um pouco melhor
Até aqui, minha querida
Não vai demorar muito, não vai demorar muito agora

Quando eu voltar em terra
Bem, eu nunca terei a minha chance
Esteja pronto para viver e ser tirado das minhas mãos
Talvez um dia nós vamos dar uma volta
Vamos subir, subir, subir e tudo vai ficar bem

E nós vamos subir, subir, subir
Mas eu vou voar um pouco mais alto
Vamos para cima nas nuvens porque a vista é um pouco melhor
Até aqui, minha querida
Não vai demorar muito, não vai demorar muito agora
Se eu tivesse um pouco mais de tempo
Se eu tivesse um pouco mais de tempo com você

Nós poderíamos ir para cima, cima, cima
E ter aquele pequeno passeio
E sentar-se lá segurando as mãos
E tudo estaria certo
E talvez um dia eu vou te ver de novo
Nós vamos flutuar nas nuvens e nunca verá o fim

E nós vamos subir, subir, subir
Mas eu vou voar um pouco mais alto
Vamos para cima nas nuvens porque a vista é um pouco melhor
Até aqui, minha querida
Não vai demorar muito, não vai demorar muito agora



Leia Também
Ver todas
 
Publicidade

 
Adicionar para favoritos Orkut BetelFM Tacitus Tecnologia